Natura lança curso no WhatsApp contra a violência


O curso foi criado em uma parceria realizada entre a Natura com a empresa Think Eva, que presta consultoria no ramo da inovação social.

Em 8 de março, dia em que foi comemorado o Dia Internacional da Mulher, a empresa de cosméticos Natura, forneceu um curso de forma gratuita que tem como objetivo ajudar mulheres a identificar relacionamentos tóxicos e violentos, ao mesmo tempo que incentiva a busca por relacionamentos saudáveis.


Dessa forma, foi reservado um número de telefone específico, destinado apenas a atender mulheres interessadas em realizar o concurso.


Quando o projeto ainda estava no início de seu desenvolvimento e ainda estavam pensando sobre o conteúdo e como abordá-lo, surgiu a ideia de publicar um conteúdo com quatro variações, que tem como objetivo maior considerar novas perspectivas, isto é, relacionadas a pessoas com algum tipo de deficiência; raças; e de diferentes sexos e raças. Pois acompanhando a forma como o mundo evoluiu, não adianta mais dar destaque apenas para o que é óbvio, uma vez que tudo onde há diversidade, significa que haverá mais pessoas sendo englobadas e alcançadas com a campanha.


A ideia de realizar um curso voltado para a violência contra a mulher teve início após uma análise sobre o Índice de Desenvolvimento Humano da Consultora Natura. Dessa forma, desde sua criação o IDH-CN apresenta altos índices de mulheres, consultoras da natura, que sofrem violência doméstica. Com isso, o curso age encorajando mulheres a denunciarem seus parceiros.


Embora o número tenha sido assustador no início, percebeu-se que aquilo que acontecia com as consultoras de beleza era só a ponta do iceberg, uma vez que retratava apenas uma pequena parte da população brasileira exposta a violência. Pois ela se faz presente em todos os níveis sociais e também de escolaridade, isto é, apesar de que mulheres mais pobres tendem a tolerar mais relacionamentos como esses, justamente pela dependẽncia financeira, a mídia mostra todos os dias casos de violência contra a mulher que ocorrem com casais abastados.

Isso indica que a violência nem sempre é física, mas também psicológica, o que muitas vezes atrapalha a vítima de pedir por ajuda.

A Natura é uma empresa que entende que violência doméstica está diretamente ligada com o número de vendas, já que mulheres são submetidas a violência muitas vezes são privadas de realizarem várias atividades, sendo uma delas o trabalho. Ainda assim, mesmo que tenham o próprio dinheiro, sabe-se que há situações em que ele é controlado pelo parceiro ou muitas vezes a mulher encontra-se num quadro depressivo em que ela não encontra mais vontade de fazer outras atividades.

Dessa forma, a Natura percebeu que por trás do número de suas vendas, há um problema muito maior e mais grave do que apenas lucros.Tendo isso em vista, a empresa de cosméticos consegue visualizar que muitas mulheres antes de qualquer coisa precisam estar livres para tomarem suas próprias decisões pautadas em suas escolhas individuais.

Dessa maneira, uma forma que a empresa encontrou de combater essa violência foi por meio do investimento em projetos sociais como este. Sendo algo que garante uma enorme acessibilidade ao público alvo, uma vez que os smartphones atualmente são usados por inúmeras pessoas. Com isso, a Natura acredita que a conscientização é a melhor maneira de garantir que mulheres saiam de relacionamentos tóxicos e quebre de vez esse ciclo vicioso em suas vidas.

Portanto, se o leitor conhece alguém que vive um relacionamento tóxico, como tratado anteriormente acima, não deixe de compartilhar essas informações que podem ser um divisor de água em inúmeras vidas. A Natura se preocupa em garantir o direito das mulheres, bem como o respeito pelas mesmas.



Post Anterior

Não há mais posts

Próximo Post

Não há mais posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.