Busca por Curso de Técnico Cervejeiro aumenta 50%

Escrito por admin em 05/12/2014  /   Postado em Curso técnico, Cursos, Dicas, Notícias, Rio de Janeiro, SENAI




A única escola que forma técnicos cervejeiros na América Latina é o Centro de Tecnologia SENAI de Alimentos e Bebidas, que vem sentindo os reflexos do crescente interesse das pessoas por cervejas artesanais e especiais, o que tem gerado um grande aumento na procura também pelo curso de Técnico Cervejeiro.

A instituição brasileira, que fica no município de Vassouras, no interior do estado do Rio (Vale do Paraíba), já formou 600 técnicos cervejeiros habilitados para produzir cervejas artesanais e especiais, desde 1992, e registra um aumento de 50% na procura do curso nos últimos anos. Na verdade, a escola funciona desde 1989, mas somente em 92 passou a oferecer cursos voltados para a cervejaria. 

O curso oferecido pelo SENAI tem parcerias com empresas e instituições estrangeiras do ramo, em sua maioria companhias alemãs. "A indústria tinha a necessidade que se formasse mão de obra qualificada para esse ramo, no Brasil, e foi por isso que o curso surgiu", explicou Antônio Tavares, que é o gerente do Centro Tecnológico do SENAI.

O Curso de Técnico Cervejeiro é dividido em dois módulos avançados, com 1.200 horas/aula cursadas entre os meses de março e novembro, e é reconhecido pelo MEC (Ministério da Educação).

A instituição também oferece turmas intermediárias, de 72 e 76 horas/aula, em que "o aluno sai com conhecimentos e apto para fazer uma cerveja", segundo Tavares.

"Temos salas lotadas a cada ano, pois vem ocorrendo um aumento de 30% do mercado também a cada ano. Posso dizer que, em geral, 60% das pessoas que nos procuram são de microcervejarias ou individuais e 40% restantes dos nossos alunos vêm das grandes fábricas e indústrias de cervejas", garantiu Antônio Tavares.

Um dos fatores que podem indicar esse aumento é o fato de a instituição oferecer várias edições dos cursos intermediários que, por serem de menor duração, podem acontecer mais vezes, como em 2014, por exemplo, que chegará a ter até três turmas inscritas (a próxima cursará entre o dia 9 e 19 de dezembro), quando antes era oferecido apenas uma edição por ano.





O SENAI tem parcerias com quase todas as grandes cervejarias, só não trabalha com a AmBev, que criou seus próprios cursos e reciclagem de mão de obra. E a escola brasileira também tem parcerias com empresas estrangeiras, por isso já ofereceu cursos no Panamá, e em breve promoverá um também no Peru.

O gerente do Centro Tecnológico, Tavares, diz que terá oferta de mão de obra suficiente para suprir as necessidades e demandas do crescimento desse mercado no Brasil. Vale informar que a estrutura do SENAI de Vassouras possui uma microcervejaria com capacidade para fabricar 360 garrafas por hora e produzir de 12 a 16 mil litros de cerveja por mês.

"Existe um equilíbrio nesse mercado porque as microcervejarias não precisam de tanta mão de obra e as grandes cervejarias planejam fazer a admissão desses profissionais qualificados a médio e longo prazo", completou o gerente do SENAI.

Por João Calvet

Foto: divulgação



Enviar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

  • Comprinhas Comércio Ltda.
    CNPJ: 11.843.532/0001-07
    Av. Cândido de Abreu, 776 / 803
    Centro Cívico - Curitiba / PR
    CEP: 80.530-000
Copyright© 2010-2014 - Cursos Novos - Cursos Técnicos